Pular para o conteúdo principal

"Eu era o Metalhead do Skid Row"


Sebastian Bach concedeu entrevista à Metal Radio. Na ocasião, teceu comparações com sua fase atual e o passado. Confira alguns trechos.

Um dos vídeos mais fortes da história do Hard Rock é “18 and Life”, do Skid Row. Por outro lado, o clipe de seu último single é bem mais focado no lado diversão do Rock and Roll. Isso significa que você não quer ser levado tão a sério nos dias atuais?

Para ser honesto, o dinheiro que gastamos nos três vídeos que filmamos para Kicking & Screaming foi menor que o caminhão de transporte usado no “18 and Life”. Aquele foi um vídeo de 300 mil dólares. Já que não há mais emissoras de TV que passam clipes, temos a sorte até mesmo de fazer alguns ainda. Por outro lado, a tecnologia avançou

Já faz dez anos que você tem lançado música como artista solo. Não sente falta de uma banda estável?

Acho que você se refere ao Skid Row. Se você ouvir as músicas que fizeram sem mim e depois tocar Angel Down e Kicking & Screaming, compreenderia porque não estamos juntos. Meus discos detonam os deles, qualquer um que tiver dois ouvidos dirá isso. Eles soam mais parecidos com o Skid Row original que o Skid Row atual soa.

Na verdade, essa era minha última pergunta. Seus álbuns solo são mais agressivos que o Skid Row de hoje em dia. Isso significa que o peso dos trabalhos antigos, especialmente Slave To the Grind, vinha de você?

Sim, não vou mentir. As pessoas podem falar que sou um cara difícil, mas apenas me recuso a ver meu trabalho ser ruim. Podemos não nos gostar mais, mas até Snake disse em entrevistas que minha maior contribuição à banda era identificar uma boa canção. E eu consigo. Ele é um manager atualmente, está mais concentrado no lado dos negócios da coisa. Eu pertenço ao foco mais criativo. Por isso entrei nessa vida, não vejo como um emprego. Eu era o Metalhead do Skid Row. E serei assim pelo resto da vida. Gosto de compor, desenhar capas de discos e fazer videos.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Grave Digger: Banda Gueppardo convidada para abertura em Porto Alegre

A banda Gueppardo foi anunciada como uma das atrações de abertura para o show de Porto Alegre da nova turnê mundial do lendário grupo alemão, Grave Digger. Os shows acontecem no dia 29 de março, no teatro do CIEE (D. Pedro II, 861).

Grave Digger é considerada, ao lado de Rage e Running Wild, uma das maiores bandas de Heavy Metal surgidas na Alemanha, e uma das mais importantes do mundo. Com mais de 35 anos na estrada e 18 álbuns de estúdio lançados, essa é a décima passagem dos alemães pelo Brasil, que promovem o seu novo disco, “Healedby Metal”, lançado em janeiro de 2017.

Gueppardo é uma banda de Hard n’ Heavy de Porto Alegre (RS), formada em 2007. Possui no currículo shows em todo Brasil e também na Argentina, ao lado de nomes de peso, como Steve Grimmett's Grim Reaper e Blaze Bayley (Iron Maiden). Lançou em 2015, o álbum “Fronteira Final”, considerado como um dos melhores lançamentos do estilo no ano. Recentemente a banda disponibilizou em seu canal no youtube, o videoclipe ofi…

Electra Mustaine: a linda filha do Sr. Dave Mustaine

Guns N’ Roses: Surge primeira foto de W. Axl Rose em 18 meses

Agora já com uma volta de parte do núcleo que fez do GUNS N’ ROSES a maior banda do mundo no fim dos anos 80 e começo dos anos 90 99,999% confirmada, podemos afirmar com a mesma proporção de certeza QUE:

1 – O grupo será SIM headliner do Coachella em abril próximo;

2 – A banda fará uma apresentação ao vivo no programa televisivo JIMMY KIMMEL LIVE! no mesmo dia em que as atrações do Coachella serão afirmadas – 6 de janeiro, uma quarta-feira;

3 – Mesmo com Duff e Slash a bordo, a banda – que também terá DIZZY REED, RICHARD FORTUS e FRANK FERRER – tocará “2 ou 3 faixas” do álbum de 2008 da marca, “Chinese Democracy”;

4 – Existe SIM um esforço do empresário Doc McGhee para que o SKID ROW – agora sem vocalista – reúna sua formação clássica com o vocalista SEBASTIAN BACH para abrir os 25 shows da turnê estadunidense que começa
em maio. Seria um modo de a banda celebrar os 25 anos de seu maior sucesso de crítica e público, “Slave To The Grind”

5 – Prepare-se para comprar uma caça…