Pular para o conteúdo principal

Sem dinheiro e doente, baixista do Metallica vende objetos relacionados à banda

mettalica-g1

O primeiro baixista do Metallica, Ron McGovney, começou a vender objetivos de sua passagem pela banda no site de leilões virtuais eBay nesta quinta-feira (21). O músico afirmou que faz isso por não ter dinheiro e espera que consiga arrecadar o suficiente para ajudar a família.
O músico saiu do Metallica em 1982, mesmo ano em que entrou. Por um panfleto de anúncio da turnê de 1982 da banda, ele conseguiu US$ 500 (o equivalente a R$ 1.134). Até a publicação desse texto, McGovney ainda não havia vendido dois panfletos também de 1982. O último lance havia sido de US$ 41 (R$ 93).
Algumas pessoas criticaram o gesto de McGovney e afirmaram que ele está “vendendo suas memórias”. “É engraçado como algumas pessoas fazem comentários rudes sobre eu vender coisas relacionadas ao Metallica no eBay. Eu não tenho muito dinheiro. Minha família vive de salário em salário como a maioria dos americanos. Se você tivesse alguma coisa no seu armário de 30 anos atrás e, caso você vendesse, soubesse que iria ajudar sua família, você não venderia?”, escreveu o músico em sua conta no Facebook.
Demência
“E a respeito de “vender suas memórias”: minha memória está desaparecendo nesses anos. Eu lembro pedaços, mas eu não consigo lembrar da primeira apresentação ou do show de Bruin’s Den ou de qualquer outro. Eu estou vendo minha mãe de 88 anos se tornar demente e eu acredito que eu também estou seguindo por esse caminho. Eu parei de beber há quatro meses e espero que isso ajude. Pode ser muito tarde”, completou.
De fato, os leilões não começaram nesta quinta. Na segunda-feira (18), McGovney conseguiu levantar US$ 521 (R$ 1.182) com um panfleto da turnê da banda em 1982. No dia anterior, ele havia arrecadado US$ 47 (R$ 106) por um assento para motocicletas Harley Davidson.
“Tudo o que eu tenho a dizer é… cuidem de vocês mesmo e isso ajudará que possam cuidar de suas famílias”, completou o músico.
Fonte: G1
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Grave Digger: Banda Gueppardo convidada para abertura em Porto Alegre

A banda Gueppardo foi anunciada como uma das atrações de abertura para o show de Porto Alegre da nova turnê mundial do lendário grupo alemão, Grave Digger. Os shows acontecem no dia 29 de março, no teatro do CIEE (D. Pedro II, 861).

Grave Digger é considerada, ao lado de Rage e Running Wild, uma das maiores bandas de Heavy Metal surgidas na Alemanha, e uma das mais importantes do mundo. Com mais de 35 anos na estrada e 18 álbuns de estúdio lançados, essa é a décima passagem dos alemães pelo Brasil, que promovem o seu novo disco, “Healedby Metal”, lançado em janeiro de 2017.

Gueppardo é uma banda de Hard n’ Heavy de Porto Alegre (RS), formada em 2007. Possui no currículo shows em todo Brasil e também na Argentina, ao lado de nomes de peso, como Steve Grimmett's Grim Reaper e Blaze Bayley (Iron Maiden). Lançou em 2015, o álbum “Fronteira Final”, considerado como um dos melhores lançamentos do estilo no ano. Recentemente a banda disponibilizou em seu canal no youtube, o videoclipe ofi…

Electra Mustaine: a linda filha do Sr. Dave Mustaine

Músico do Ghost comenta homenagem a amigo suicida

“He Is”, faixa do álbum Meliora, do Ghost, é uma homenagem a Selim Lemouchi, líder da banda holandesa The Devil’s Blood. Ele cometeu suicídio em março de 2014, aos 33 anos. “Vivíamos longe, mas sempre que nos encontrávamos era uma diversão. Essa música já existia em demos, mas nunca tínhamos acertado o aspecto lírico. Após a morte de Selim, tudo se acertou. Ela fala sobre a fé em um grande além”, disse um dos músicos da banda ao Loudwire.