Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2011

Arrependimentos e possibilidade de retorno

Em entrevista ao programa Rock My Monkey TV, Warrel Dane falou sobre as recentes declarações em relação ao ex-baterista do Nevermore, Van Williams, que causaram muita polêmica, com direito a resposta do músico. "Fui levado a aquilo por coisas que ouvi de amigos. Posso ter dito algo que ainda me arrependerei. Mas ao mesmo tempo, nunca fomos grandes amigos. Será que isso é algo tão horrível assim de se falar? Em minha opinião, não".

Quando assunto da procura por um novo guitarrista veio à tona, o vocalista surpreendeu ao deixar claro que ainda tem a esperança de uma volta do antigo companheiro. "Para dizer a verdade, ainda prefiro que Jeff Loomis decida voltar. Temos nos telefonado e ainda conversamos. Mas não sei o que vai acontecer realmente".

Cronos joga pro time

Em entrevista ao Metal Kaoz, o baixista e vocalista Cronos fez questão de declarar que, apesar de ser o único membro original do Venom, não vê a banda como sua. E ressalta a participação dos outros membros na criação do novo disco, Fallen Angels.

"Não quero ser um artista solo. Gosto da idéia de estar em uma banda. Mesmo quando tive o projeto Cronos, foram os outros caras da banda que acharam melhor usar esse nome. Eu tinha outras idéias. Mas era um grupo de verdade, todos eram tão importantes quanto eu".

Garimpando

Os integrantes remanescentes do Queen anunciaram ao The Daily Star planos para um novo álbum, contendo material de antigas demos registradas ainda com Freddie Mercury. Brian May confirmou estar vasculhando os arquivos da banda junto com Roger Taylor, em busca de músicas inéditas e versões alternativas para clássicos.

Benção, patrão!

Se tirar uma foto do saco de Axl Rose, com certeza lá estará DJ Ashba, pendurado e segurando forte. Ao menos é o que deixa claro o guitarrista em declaração ao GoUpstate.com. "Ele é um gênio musical, que coloca o coração e a alma no que faz. Além disso, Axl é um dos caras mais divertidos que já conheci. Sempre lhe digo que se não tivesse dado certo na música, devia ter sido comediante. O cara é hilário, sempre estamos contando piadas".

Ainda de acordo com Ashba, após o fim da atual turnê, os integrantes da banda estarão focados em "escrever o álbum definitivo da carreira do Guns N' Roses".

Vingança do olho de cristal

Os holandeses do Vengeance lançam em 27 de fevereiro de 2012 Crystal Eye. O novo álbum do grupo é o primeiro pela gravadora SPV/Steamhammer. O trabalho contará com as participações especiais do baterista Chris Slade (AC/DC), o guitarrista Keri Kelli (Alice Cooper) e Timo Somers, filho do guitarrista Jan Somers, integrante da banda que faleceu em janeiro desse ano.

De olho roxo

Depois do susto de Steven Tyler um dia antes, correu tudo bem no show do Aerosmith em Asunción, Paraguai. Apesar de ter superado os problemas, o vocalista teve que se apresentar com um olho roxo, como pode ser visto na foto acima.

O setlist foi o seguinte:

Draw The Line
Same Old Song And Dance
Mama Kin
Janie's Got A Gun
Livin' On The Edge
Rag Doll
Amazing
What It Takes
Last Child
Stop Messin' Around
I Don't Want To Miss A Thing
Cryin'
Sweet Emotion
You See Me Crying/Home Tonight/Dream On
Love In An Elevator
Walk This Way

Com ele, nunca mais

Mesmo garantindo ao The Huffington Post que o Velvet Revolver não acabou, Duff McKagan descartou qualquer possibilidade que o vocalista da banda volte a ser Scott Weiland. Os abusos do cantor durante sua passagem custaram caro na relação pessoal com o resto do grupo. "Acho que nunca mais vamos querer trabalhar com ele novamente. Para ser sincero, amo-o como pessoa, mas ao mesmo tempo sinto muita pena dele".

Tio Bruce dá a dica

Durante a abertura do festival Oxjam Chiswick, na Inglaterra, Bruce Dickinson foi questionado sobre qual conselho daria a artistas da nova geração. "Nunca aceite um não como resposta nem pense que algo é impossível. Realisticamente, nem todos conseguirão, mas o mais importante é não comprometer sua integridade. Divirta-se e faça tudo com paixão, não apenas pensando em dinheiro".

Aprendendo com a maturidade

Em entrevista ao RoadrunnerRecords.com, o baixista David Ellefson falou sobre como a maturidade alcançada com o distanciamento do Megadeth ajudou na gravação do novo álbum, TH1RT3EN.

"Estou aqui para ser o melhor baixista possível, independente de quem compõe. Todos mostramos as idéias. Tendo trabalhado tanto tempo com Dave Mustaine, sei que chega o momento em que ele quer as coisas prontas, assim como quer se distanciar dos outros e fazer do seu jeito. Apenas deixo acontecer. Prefiro ser feliz a ficar brigando para provar algo. Acho que isso pode se chamar de maturidade. Faço meu melhor pela banda e nada mais".

Com a alma de Midnight

Em entrevista ao Rock Overdose o guitarrista Jon Drenning falou sobre o que os fãs podem esperar do próximo disco do Crimson Glory, primeiro trabalho com o novo vocalista Todd La Torre. "Será colorido, dramático e místico. Contará com todos os elementos tradicionais da banda. Sempre nos caracterizamos pela habilidade de sermos belos, passionais, agressivos e melódicos. Teremos esse dinamismo".

O músico também revelou que o conceito do trabalho se baseará na vida e morte do lendário ex-vocalista do grupo. "O disco será inspirado em Midnight. Ele estará conosco em alma".

A opção por Cleveland

Em entrevista à Rolling Stone, Geddy Lee falou sobre a escolha do local de gravação do novo DVD da banda, Time Machine.

“Notamos que todos os nossos DVDs foram gravados em outros locais. Nunca fizemos um na América do Norte. Quando soubemos do show em Cleveland, na parte final da turnê. Achamos que era um local apropriado para a gravação, pois trata-se de uma cidade importante da nossa história, que nos recebeu desde o começo da carreira. Consideramos que estaríamos fechando um ciclo com esse registro”.

Paul Stanley na faca

Nessa terça-feira, Paul Stanley realizou uma cirurgia em suas cordas vocais. De acordo com o próprio, a idéia do procedimento foi "consertar alguns pequenos distúrbios causados por 40 anos de Rock and Roll". Segundo os médicos, a operação foi um sucesso e a recuperação deve ser rápida e completa.

Esplendidamente

O dentista que tratou Steven Tyler no Paraguai declarou que o vocalista do Aerosmith está se recuperando "esplendidamente" após uma cirurgia para consertar os danos causados em seus dentes pelo acidente sofrido no banheiro de hotel ontem. O show de hoje à noite está totalmente confirmado.

Proud to be Keef!

Em entrevista ao The New Yorker, Keith Richards se declarou orgulhoso de seu estereótipo histórico. "Sempre haverá o 'Keef', esse cara que bebeu até fechar bares. A imagem é como uma algema e você tem que conviver pelo resto da vida. É isso aí, sou esse cara velho e drogado".

América do Sul na mente

Em entrevista ao Guitar World, Sebastian Bach relembrou a melhor turnê que já fez.

“Foi com o Guns N’ Roses em 2010, pela América do Sul. Quando se está no topo das paradas, é esperado fazer uma grande tour. Mas atutalmente é muito mais prazeroso fazer algo do tipo em grandes arenas, pois prova que duramos tanto tempo na indústria musical. Tocamos em espaços para 40, 50 mil pessoas. Me senti bem em ver que me estabeleci como artista longe de minha antiga banda”.

Stu Block começa bem

Dystopia, novo álbum do Iced Earth, vendeu 6100 cópias na semana de lançamento. O resultado garantiu à banda o posto número 67 no Top 200 da Billboard.

Cheio de saudosismo

Ace Frehley realizou ontem à noite, no B.B. King's House Of Blues, em Nova York, o primeiro show de sua nova turnê. O setlist foi recheado de clássicos do KISS.

'Rocket Ride'
'Parasite'
'Sister'
'Snowblind'/'I Want You'
'Rock Soldiers'
'Love Her All I Can'
'2000 Man'
'What's On Your Mind'
'She'
'Hard Times'
'NY Groove'
'Flaming Youth' (Todd Youth sings)
'Into The Void'
'Strange Ways'
'Shock Me'
'Shout It Out Loud'
'Deuce'
'Rip It Out'
'Love Gun'
'Cold Gin'/'Black Diamond'

Sammy Hagar se considera capaz

Sammy Hagar intermediaria a reunião da formação clássica do Guns N’ Roses. Ao menos é o que prometeu em entrevista ao Attention Deficit Delirium.

“Eles provaram várias vezes que o problema não é dinheiro. Eles apenas não se entendem porque Axl resolveu ganhar menos grana com sua versão da banda enquanto Slash faz a mesma coisa com o Velvet Revolver ou sozinho. Se voltassem e fizessem um grande disco seguido de uma turnê mundial, poderiam ganhar tanto quanto os Rolling Stones. Eu seria manager deles e com certeza faria negócio com todos os promotores certos”.

Kreator épico

Em entrevista ao KreatorTerrorzone.com, Mille Petrozza falou sobre o andamento dos trabalhos no novo álbum do Kreator. “As músicas estão ficando demais. Esse será nosso disco mais épico. Há muito Metal tradicional, além, é claro, de altas doses de Thrash Metal. Todos na banda estão empolgados, já temos em torno de dez músicas”.

Fogerty aberto a volta do Creedence

Em recente entrevista à Rolling Stone, John Fogerty voltou a falar sobre a possibilidade de reunião do Creedence Clearwater Revival. De acordo com o guitarrista e vocalista, sua família, especialmente a esposa Julie, ajudou a apagar as mágoas do passado e considerar uma volta com os antigos colegas.

"Não sei que estrelas precisarão se alinhar para isso acontecer. Mas há uma possibilidade, sim. Acho que o plano deveria ser intermediado por alguém de fora, que pudesse ver as coisas de um modo mais claro".

Saiu!!! Download - Megadeth - TH1RT3EN (2011)

Thirteen (estilizado como TH1RT3EN) é o 13° álbum de estúdio da banda de de thrash
metal/heavy metal Megadeth, lançado em 1 de Novembro de 2011 "Thirteen" marca o regresso do baixista Dave Ellefson que fez parte da formação clássica da banda, de 1983 a 2002. Ellefson voltou a tocar ao vivo com o Megadeth no início de 2010. Esta é a primeira vez que Ellefson toca em um álbum do Megadeth desde "Rude Awakening" de 2002.
Faixas 1. Sudden Death
2. Public Enemy No. 1
3. Whose Life (Is It Anyways?)
4. We the People
5. Guns, Drugs & Money
6. Never Dead
7. New World Order
8. Fast Lane
9. Black Swan
10. Wrecker
11. Millennium of the Blind
12. Deadly Nightshade
13. 13

InformaçõesGênero: Thrash Metal/Heavy Metal
Ano: 2011
País: Brasil

Links para download:
Mediafire Informações adicionais:
Senha: hmc

Nas mãos de Paul

O baterista Simon Kirke declarou ao Ultimate Classic Rock que não vê perspectivas futuras para um novo álbum do Bad Company. "Sinto falta dos caras, mas quanto à questão de um novo disco, tudo depende de Paul Rodgers. Não podemos usar o nome Bad Company sem ele e vice-versa. Mas espero que um dia aconteça, nos divertimos muito nos últimos shows que fizemos. E a banda tem sido minha vida por quase 40 anos".

Se poupando e estabelecendo prioridades

Em entrevista ao Ultimate Classic Rock, o guitarrista Gus G falou sobre sua carreira.

Você tem notado que mais pessoas vão aos shows do Firewind desde que você se juntou a Ozzy?

Só reparo quando vejo uma camiseta de Ozzy. Não é como se vários viessem, mas alguns aparecem mesmo. O que é positivo, significa que as pessoas estão lentamente prestando atenção em nós. A longo prazo, será bom para a banda.

Qual álbum você gravou primeiro, Scream (Ozzy) ou Days Of Defiance (Firewind)?

Primeiros gravamos Days e tivemos que deixá-lo parado por um ano, por causa do trabalho com Ozzy. Para ser honesto, preferia que o disco do Firewind tivesse saído só este ano, mas a gravadora estava com pressa em lançá-lo. Avisei que só poderíamos excursionar para divulgá-lo em 2011, mas não deram ouvidos.

E vocês já começaram a trabalhar no novo disco do Firewind?

Sim, entraremos em estúdio no fim do ano. Não tenho nenhum título ou conceito em mente ainda

A experiência com Ozzy mudou a maneira de você compor?

SRF divulga primeiros nomes para 2012

O Sweden Rock Festival 2012, que acontece entre os dias 6 e 9 de junho, na cidade de Sölvesborg, já tem suas primeiras sete atrações confirmadas. São elas: Mötley Crüe, Blue Öyster Cult, Edguy, Dimmu Borgir, Danko Jones, Gamma Ray e Pentagram.

Detalhes separam anúncio

Em entrevista à Planet Rock Radio, Tony Iommi declarou que a formação original do Black Sabbath ainda não anunciou oficialmente a volta porque ainda há detalhes a se acertar. “Estamos conversando, mas não sei o que vai acontecer. Não há uma decisão definitiva. Nos encontramos, tocamos e foi muito bom. Mas não queremos confirmar nada e depois voltar atrás. Seria ótimo e acho que todos gostariam, mas há um pouco mais de detalhes envolvidos que isso”.

A esposa gostava, ele não

Em entrevista ao blog Metal Shrine, Danny Vaughn relembrou uma passagem do início da carreira do Tyketto, quando a banda abriu uma turnê de Yngwie Malmsteen. “Como estou dando uma entrevista para um blog sueco, não direi que ele é um idiota... mas ele é (risos). Ele não gostava de nós porque sua esposa gostava da gente, foi o que fiquei sabendo depois”.

Tesla já prepara novidades

Em entrevista ao Brave Words, o guitarrista Dave Rude revelou que, apesar de estar planejando uma turnê para Twisted Wires..., o Tesla já tem em mente o próximo álbum de inéditas. Será o primeiro desde Forever More, de 2008. "Esse mês começaremos a compor as novas músicas. A idéia é que o novo disco saia ano que vem, antes da turnê de verão".

Relembrando o Steeler

Em entrevista ao SleazeRoxx.com, Ron Keel relembrou os tempos de Steeler, grupo que o reveleou junto com Yngwie Malmsteen.

Vocês gravaram um álbum em 1983. Como você explica que ele tenha se tornado um dos disco independentes mais vendidos da história do Heavy Metal?

É preciso ter confiança e acreditar no que se faz. Sempre quis ser um rockstar, fazer música, me divertir e ganhar dinheiro. Sou grato pelo sucesso do Steeler, pois lançou minha carreira e deu a oportunidade de formar o Keel mais tarde. Alcançamos um status de lenda e sou orgulhoso disso.

Em sua opinião, qual era a mágica daquele álbum?

Era meu primeiro disco, assim como de Yngwie Malmsteen. A combinação de minhas músicas e voz com o estilo clássico de seus riffs e solos inspiraram uma geração de fãs de Rock.

Há alguma chance de reunião no futuro?

Sempre há. Em 2013 será o trigésimo aniversário daquele álbum e gostaria de marcar essa data de alguma forma.

Raridade do Iron Maiden vendida no eBay

Um raro EP japonês promocional de 7 polegadas do Iron Maiden foi adquirido no eBay por 3.350 dólares, em leilão encerrado ontem. A cópia especial, trazendo o single “2 Minutes To Midnight”, foi distribuída apenas para DJs locais à época do lançamento. Especialistas consideram este um dos itens mais raros da discografia da banda.

Zagallo aprova!

Megadeth – TH1RT3EN [2011]

As informações vindas dos músicos nas entrevistas antes do lançamento do novo disco do Megadeth davam conta que este trabalho serviria como uma espécie de retrospectiva da carreira do grupo, com faixas que se encaixariam nos mais variados álbuns. É fato que várias bandas costumam dizer isso mesmo, mas aqui a coisa realmente é séria. Temos uma bela mistura da agressividade dos primeiros trabalhos com as melodias da fase noventista dos comandados de Dave Mustaine. E essa diversificação é justamente a maior qualidade de TH1RT3EN. E o mérito não fica apenas nas mãos do líder.

Sempre haverá a lamentação dos que sentem a falta da dupla Marty Friedman/Nick Menza – mesmo sabendo que o guitarrista estava de saco cheio de tocar esse tipo de música, o que inviabilizava sua permanência. Dito isso, é preciso louvar Chris Broderick e Shawn Drover, que são como aqueles jogadores cumpridores de função, que fazem sua parte com total eficiência. Em seu primeiro pl…

Blue Öyster Cult pode desembarcar

O líder do Blue Öyster Cult, Eric Bloom, declarou em entrevista ao Ultimate Classic Rock que a banda negocia shows na América do Sul. Apesar de não revelar datas, o frontman se mostrou bem otimista com a possibilidade.

“Tivemos chances de ir antes, mas não deu certo. Nunca estive lá, mas um dos melhores DVDs que já assisti foi Rush In Rio. Um grande show e os fãs foram fantásticos”.

Valeu a espera

HELL – Human Remains [2011]

Às vezes, certas coisas demoram a acontecer na vida, mas são justificadas com o tempo. Isso se encaixa na história do HELL. A banda foi uma das várias a surgir na onda da New Wave Of British Heavy Metal que ficou esquecida com o tempo. Agora, quase trinta anos depois de seu surgimento, o grupo finalmente teve a chance de mostrar sua qualidade. Com o reforço do mago Andy Sneap, que relembrou os tempos de Sabbat e assumiu a guitarra, temos aqui um belo exemplar do gênero em sua forma mais pura, no velho estilo britânico de ser.

Um grande mérito da banda é conseguir fazer algumas músicas longas que não enjoam, graças às variações e o talento na execução. Aliás, vale destacar o registro todo particular do vocalista David Bower, dramático e agressivo na medida certa. Chega, em determinados momentos, a parecer realmente um personagem interpretando o que canta, como se contando uma história. Os músicos também colaboram, com uma performance irretocável,…

Demoraram para perceber, hein?

Billy McCarthy e James Stonich, ex-membros da banda Kid Rocker, estão processando o Poison por suposto apropriamento ilegal de músicas. De acordo, com a dupla o guitarrista C.C. DeVille, que fez um teste para tocar com o grupo, teria roubado as idéias de canções como "Talk Dirty To Me", "I Won't Forget You", "Fallen Angel" e "Ride The Wind". A grande questão que fica é: por que só agora?

Projeto novo e final feliz

Em entrevista ao Ultimate-Guitar.com, Michael Schenker comentou a possibilidade de um projeto com seu irmão, Rudolf, após o fim do Scorpions. “Já discutimos sobre isso há um bom tempo. Faremos na hora certa. No momento, eles estão fazendo a última turnê. Uli Jon Roth e eu nos juntaremos a eles em alguma parte para um final feliz”.

Antes odiado, hoje respeitado

Em entrevista ao Brave Words, o guitarrista Glenn Tipton comentou sobre o status de ‘cult’ que o álbum Turbo, outrora malfadado entre os fãs, adquiriu com o passar do tempo. “Quando o gravamos, nos arriscamos e acabamos sendo muito criticados. Ele era um pouco diferente, especialmente com as guitarras sintetizadas. Mas nunca aderimos a regras, quisemos experimentar. Creio que ‘Turbo Lover’ é uma de nossas músicas mais poderosas. O público sempre a canta junto e isso me empolga, pois sempre fui um Turbo Lover!”.

Alice Cooper doa pintura para ajudar criança doente

O quadro acima, assinado por Alice Cooper e toda sua banda, está sendo leiloado no eBay. A obra foi doada pelo próprio à família de Tomas Jovic, garoto australiano de sete anos, que há três enfrenta um tipo raro e agressivo de leucemia. Todo o dinheiro arrecadado será destinado ao seu tratamento. Para mais detalhes, acesse a página do leilão.

Mesmo se for o Lemmy

Em entrevista ao tablóide The Sun, Gene Simmons desmentiu a idéia de que tenha dormido com 4600 mulheres. “Na verdade, foi 4800”, explicou o baixista. “Tirei polaróides por um longo tempo para registrar. Isso prova que você pode ser um feioso, mas se está no emprego certo, conseguirá o acesso. Um rockstar sempre consegue. Mesmo se for alguém parecido com o Lemmy”

Morre guitarrista que foi agredido por baixista da própria banda nos EUA

O guitarrista Terry Span, da banda norte-americana Aleister Wild, não resistiu aos ferimentos provocados pelas agressões feitas pelo baixista Michael Sorden. O incidente ocorreu após um show em um bar local, quando a banda estava recolhendo seu equipamento. Sorden ficou irritado após o vocalista Ernest Munoz ter pedido ajudado e socou o cantor no rosto.

Terry Span foi tentar acalmar os ânimos e acabou levando a pior, sendo atingido gravemente pelo baixista. “Ele caiu parecendo estar morto”, contou o vocalista. “Meus braços viraram uma poça de sangue quando o segurei. Vi na hora que era algo sério”.

Span foi levado ao Memorial Hospital, onde permaneceu quase uma semana internado em coma profundo. Os médicos já sabiam que ele teria chances mínimas de acordar novamente. Michael Sorden está preso e responderá processo criminal.

Não há mais o que esconder

Em entrevista ao site Terrorizer, Tony Iommi falou sobre os primeiros ensaios da nova reunião do Black Sabbath. "Tocamos algumas velharias. Estarmos juntos novamente foi demais. Nos damos muito bem e podemos voltar a nos apresentar juntos. Penso que estamos o mais próximo possível de isso acontecer".

Running Wild está de volta

Durou pouco o fim do Running Wild. A banda alemã já está de volta e anunciou o lançamento de um novo álbum, Shadowmaker. “Meus comentários em 2009 foram absolutamente sérios. Realmente precisava daquele tempo. Nem imaginava que sentiria vontade de gravar um novo disco”, declara o líder Rolf Kasparek. “Mas quando tive a inspiração para uma coletânea, que contaria com quatro faixas novas, relembrei o quanto gosto de compor. Foi um pequeno passo para um novo trabalho”.

O disco conta com dez faixas. Entre elas a midtempo “Piece Of The Action”, que abre o play e a monumental “Dracula”, peça de oito minutos baseada na novela de Bram Stoker. “Para mim, Shadowmaker é um álbum muito especial, pois não houve pressão. Essa atitude mais relaxada colaborou na criação de um dos mais fortes discos do Running Wild”, diz o vocalista e guitarrista.

Tá na pindaíba? Chickenfoot quer saber

O Chickenfoot recentemente lançou o segundo videoclipe de uma faixa de seu segundo álbum, Chickenfoot III. Trata-se de “Three And A Half Letters”, que foi inspirada em cartas que o vocalista Sammy Hagar recebeu de fãs e militares veteranos que sofrem com a atual situação econômica dos Estados Unidos. Agora, a banda procura por mais histórias do tipo para usar no telão durante a nova turnê. Contatos devem ser feitos através das redes sociais e do site oficial da banda.

The Cult preparando novo disco

Em entrevista ao Viper Room, o baixista Chris Wyse falou sobre o próximo álbum do The Cult. O novo trabalho deve sair em abril de 2012 e trará "uma sonoridade que mistura Led Zeppelin e The Stooges, de acordo com o músico, levando a música do grupo a um novo patamar". Nesse momento, o vocalista Ian Astbury está gravando suas partes.

Recuperado e com força total

Recuperado de um câncer na próstata, Ronnie Montrose falou sobre a emoção de voltar a excursionar com a banda que leva seu sobrenome. Atualmente, os pioneiros do Heavy Metal norte-americano estão em uma turnê nacional patrocinada pela revista Guitar Player.

“Após ter ficado dois anos e meio sem tocar guitarra, devido ao tratamento, minha paixão voltou. Quando se supera algo tão ameaçador como um câncer, passamos a valorizar ainda mais aquilo que gosta de fazer”, declarou em entrevista ao Tampa Bay News.

Como Linda Blair em O Exorcista

Em entrevista ao The Guardian, Lars Ulrich reconheceu que não esperava ter se envolvido tanto na parceria com Lou Reed em Lulu. “Estou entusiasmado em como o disco ficou bom. Lou entrou no estúdio pela primeira vez e, sete segundos mais trde, minha cabeça estava girando como a de Linda Blair em O Exorcista. Foi algo impulsivo, demorarei anos para assimilar o que aconteceu”.