Pular para o conteúdo principal

Mötley Crüe: despedida do Brasil em show histórico no Rock In Rio



Passaram-se 34 anos desde que o Mötley Crüe surgiu como uma das bandas de hard rock mais quentes da Sunset Strip, em Los Angeles. De lá pra cá foram nove álbuns de estúdio e mais de 100 milhões de cópias vendidas ao redor do mundo durante uma carreira que, em boa parte, foi regrada 100% a mulheres, drogas e muito rock and roll.

Depois de anunciar no ano passado sua turnê de despedida, intitulada "Final Tour", o quarteto passou pelo palco Mundo do Rock In Rio na noite do último sábado (19) e se despediu do Brasil fazendo o que está em seu D.N.A: um espetáculo festivo e emocionante.

Mesmo com idas e vindas de integrantes ao longo dos anos, os "Bad Boys do Rock N' Roll" seguem com sua formação clássica que inclui Vince Neil (vocal), Nikki Sixx (baixo), Mick Mars (guitarra) e Tommy Lee (bateria). Assim, o grupo abriu a noite com "Girls, Girls, Girls", do disco homônimo de 1987, acompanhando de duas backing vocals que poderiam ser facilmente confundidas com strippers de Las Vegas.

Com uns quilinhos a mais e longe de sua voz ideal, Vince Neil se esforçou para fazer a festa valer a pena – e conseguiu, logo na sequência, com outro clássico da banda: "Wild Side". Daí em diante o show teve outras canções festeiras, como "Same O' Situation (S.O.S.)", "Dr. Feelgood" e "Kickstart My Heart", o cover "Anarchy In The U.K." dos Sex Pistols, além das baladas "Don’t Go Away Mad (Just Go Away)" e "Home Sweet Home", que fechou a apresentação de uma hora e meia.


Ao final, Nikki Sixx presenteou um fã com o baixo usado no show e o Mötley Crüe deixou o Rio de Janeiro para seguir sua despedida ao redor do mundo e cravar de vez seu nome entre os mais importantes e bem sucedidos do rock em todos os tempos.

Set List - Mötley Crüe - Live At Rock In Rio 2015

01. Girls, Girls, Girls
02. Wild Side
03.Primal Scream
04. Same Ol' Situation (S.O.S.)
05. Don't Go Away Mad (Just Go Away)
06. Smokin' in the Boys' Room
07. Looks That Kill
08. Anarchy in the U.K. (Sex Pistols cover)
09. In the Beginning
10. Shout at the Devil
11. Saints of Los Angeles
12. Live Wire
13. Dr. Feelgood
14. Kickstart My Heart
15. Home Sweet Home
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Grave Digger: Banda Gueppardo convidada para abertura em Porto Alegre

A banda Gueppardo foi anunciada como uma das atrações de abertura para o show de Porto Alegre da nova turnê mundial do lendário grupo alemão, Grave Digger. Os shows acontecem no dia 29 de março, no teatro do CIEE (D. Pedro II, 861).

Grave Digger é considerada, ao lado de Rage e Running Wild, uma das maiores bandas de Heavy Metal surgidas na Alemanha, e uma das mais importantes do mundo. Com mais de 35 anos na estrada e 18 álbuns de estúdio lançados, essa é a décima passagem dos alemães pelo Brasil, que promovem o seu novo disco, “Healedby Metal”, lançado em janeiro de 2017.

Gueppardo é uma banda de Hard n’ Heavy de Porto Alegre (RS), formada em 2007. Possui no currículo shows em todo Brasil e também na Argentina, ao lado de nomes de peso, como Steve Grimmett's Grim Reaper e Blaze Bayley (Iron Maiden). Lançou em 2015, o álbum “Fronteira Final”, considerado como um dos melhores lançamentos do estilo no ano. Recentemente a banda disponibilizou em seu canal no youtube, o videoclipe ofi…

Electra Mustaine: a linda filha do Sr. Dave Mustaine

Guns N’ Roses: Surge primeira foto de W. Axl Rose em 18 meses

Agora já com uma volta de parte do núcleo que fez do GUNS N’ ROSES a maior banda do mundo no fim dos anos 80 e começo dos anos 90 99,999% confirmada, podemos afirmar com a mesma proporção de certeza QUE:

1 – O grupo será SIM headliner do Coachella em abril próximo;

2 – A banda fará uma apresentação ao vivo no programa televisivo JIMMY KIMMEL LIVE! no mesmo dia em que as atrações do Coachella serão afirmadas – 6 de janeiro, uma quarta-feira;

3 – Mesmo com Duff e Slash a bordo, a banda – que também terá DIZZY REED, RICHARD FORTUS e FRANK FERRER – tocará “2 ou 3 faixas” do álbum de 2008 da marca, “Chinese Democracy”;

4 – Existe SIM um esforço do empresário Doc McGhee para que o SKID ROW – agora sem vocalista – reúna sua formação clássica com o vocalista SEBASTIAN BACH para abrir os 25 shows da turnê estadunidense que começa
em maio. Seria um modo de a banda celebrar os 25 anos de seu maior sucesso de crítica e público, “Slave To The Grind”

5 – Prepare-se para comprar uma caça…